Conheça a função de Oficial da Polícia Militar de Minas Gerais – PM MG

0

Em agosto de 2021 aconteceu o último concurso da Polícia Militar de Minas Gerais com oferta de vagas para o seu quadro de Oficiais. Nessa ocasião, foram oferecidas 120 vagas para o Curso de Formação, e o nível de escolaridade mínimo para poder participar era o superior completo em Direito. Agora existe a expectativa de que em breve o órgão possa realizar um novo certame, dessa vez com oferta ainda maior de oportunidades.

E até que isso aconteça, é importante você conhecer a função, afinal de contas, acreditamos que em breve você poderá começar a exercê-la, tão logo tenha um bom desempenho nas provas e, consequentemente, conquiste uma das vagas. Os requisitos básicos são os seguintes:

  • Ser brasileiro(a);
  • Possuir título de bacharel em Direito, obtido em estabelecimento reconhecido pelo sistema de ensino federal, estadual ou do Distrito Federal;
  • Estar quite com as obrigações eleitorais e militares;
  • Ter entre 18 (dezoito) e 30 (trinta) anos de idade;
  • Possuir idoneidade moral;
  • Ter altura mínima de 1,60m;
  • Ter sanidade física e mental;
  • Ter aptidão física;
  • Ser aprovado em avaliação psicológica;
  • Não apresentar, quando em uso dos diversos uniformes, tatuagem visível que seja, por seu significado, incompatível com o exercício das atividades de policial militar;
  • Não ter sido exonerado ou demitido da PM MG, de outra instituição militar estadual (IME) ou das Forças Armadas; não ter dado baixo no conceito “C” nos termos do Código de Ética e Disciplina dos Militares do Estado de Minas Gerais.

 

Atribuições do cargo

Atende a todos os requisitos listado acima? Ótimo! Então você poderá dar sequência ao seu sonho de tornar-se um Oficial da Polícia Militar de Minas Gerais. É importante destacar que também há situações em que são buscados Oficiais de outras áreas que não o Direito, como no caso dos Oficiais Médicos, por exemplo, muito embora não sejam tão comuns como a que estamos focando neste texto.

Agora vamos a mais uma informação extremamente importante a respeito do cargo, ou seja, quais são as atribuições.

Enquanto aluno do Curso de Formação de Oficiais (CFO), ou seja, ainda Cadete, é preciso exercer atividade estudantil, em regime de dedicação integral, e demais atividades internas e externas atreladas à sua formação, durante o período do CFO, conforme normas em vigor e regulamento da EFO/APM, dentre outras.

Enquanto Aspirante a Oficial, será necessário exercer atividades inerentes aos oficiais subalternos, no caso os Tenentes, respeitadas as restrições previstas em leis, regulamentos, instruções e no plano de arregimentação.

E finalmente, chegando ao patamar de Tenentes da PM MG, as atribuições passam a ser de maior responsabilidade. São elas:

Atividades Operacionais – comandar pelotão/setor; coordenar turnos de serviço operacional; comandar e coordenar operações policiais militares; promover reuniões comunitárias; atender ao público interno e externo; dentre outras.

Atividades Administrativas – planejar operações policiais militares; administrar recursos logísticos diversos até o nível de pelotão/setor; administrar recursos humanos até o nível de pelotão/setor; avaliar os policiais militares sob seu comando; zelar pela hierarquia e disciplina militar; atuar como adjunto ou chefe nas diversas seções da unidade; assessorar o comando ou chefe direto na tomada de decisões; realizar análise criminal; elaborar estudo de situação; elaborar projetos; gerenciar projetos; participar de reuniões e eventos internos e externos; integrar conselhos e comissões deliberativas; estabelecer parcerias; desenvolver atividades de comunicação organizacional; confeccionar documentos institucionais; executar atividade de pregoeiro; dentre outras.

Atividades Jurídicas Militares – aqui a explicação do porquê ser necessário possuir graduação em Direito, uma vez que, quando solicitado, o Oficial precisará confeccionar processos e procedimentos administrativos diversos; produzir inquéritos policiais militares e autos de prisão em flagrante; compor conselho de justiça; dentre outras.

Atividades de Ensino e Treinamento – ministrar treinamentos; instruir tecnicamente os subordinados; atuar como chefe de curso das unidades de ensino; executar atividade de docência; dentre outras.

Além disso, existem as condições gerais de exercício no cargo, onde estão inseridas atividades que se baseiam em trabalhar tendo contato cotidiano com o público, de forma individual ou em equipe, em ambiente de trabalho que pode ser fechado ou a céu aberto, a pé, montado ou em veículos, em horários diversos; e atuar em condições de pressão e de risco de contágio de moléstias e de morte em sua rotina de trabalho.

 

Tenha a melhor preparação para se tornar um Oficial no concurso PM MG

Seja para ter o melhor desempenho possível na prova de Oficial da PM MG, é fundamental não apenas antecipar seus estudos, como também garantir uma preparação realmente eficaz.

Para isso, investir em um curso online é o mais recomendado, pois nele você terá a possibilidade de assistir videoaulas que apresentam apenas conteúdos que realmente caem nas provas, e ainda poderá deixar sua preparação mais poderosa assinando uma completa plataforma de questões, onde constam no acervo questões específicas para o cargo de Oficial da Polícia Militar de Minas Gerais, que foram cobradas em certames anteriores.

Dessa forma, acredite, suas chances de alcançar um bom desempenho e garantir uma das vagas oferecidas no próximo concurso PM MG serão muito maiores.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *